BIOGEOGRAFIA E ILHAS FLUVIAIS E MARÍTIMAS DO BRASIL

Biogeografia

(1) Ramo da Biologia que trata da distribuição geográfica dos organismos vivos animais e vegetais.(2) Parte da biologia que se ocupa do estudo da distribuição dos animais (zoogeografia) e dos vegetais (fitogeografia) pelas diversas regiões da terra. (3) Estudo multidisciplinar, centrado numa perspectiva ecológica, que analisa a distribuição atual e passada de plantas e animais.

Ilha do Bananal

A maior ilha fluvial do planeta é brasileira: com cerca de 20 mil quilômetros quadrados, a ilha do Bananal é quase do tamanho de Sergipe e localiza-se na bacia hidrográfica do Tocantins-Araguaia. No rio Negro, no estado do Amazonas, está localizado o segundo maior arquipélago fluvial do mundo, chamado de Anavilhanas. A ilha de Marajó, na foz do rio Amazonas, é do tipo fluvial-marítima e tem 48 mil quilômetros quadrados, extensão que lhe dá o título de a maior ilha de seu tipo do mundo.
Existem dois grupos de ilhas marítimas: as costeiras e as oceânicas. As ilhas costeiras são as que se encontram apoiadas na plataforma, ou seja, na parte do relevo do continente que avança para o mar. As oceânicas são as que estão apoiadas no fundo do oceano. Algumas ilhas costeiras abrigam capitais de estados, como São Luís (MA), Vitória (ES) e a ilha de Santa Catarina (onde está a capital, Florianópolis); outras têm grande importância turística, como Itamaracá (PE), Itaparica (BA) e Ilha Grande (RJ), ou se destinam à preservação ecológica, como Abrolhos (BA). Já as ilhas oceânicas brasileiras são quase todas unidades de conservação ou de pesquisa, como o atol das Rocas, o arquipélago de Fernando de Noronha, os penedos de São Pedro e São Paulo e as ilhas de Trindade e Martim Vaz.

Mega Movie