Novo Alegre no Tocantins


Novo Alegre no Tocantins

Novo Alegre no TocantinsGentílico: novoalegrense

Histórico
Na década de 1940, a Fazenda Alegre, situada no Município de Arraias, é vendida pelo Sr. Pacífico Martins de Oliveira ao Sr. Apolinário José da Cunha, que até então residia no Município de Aurora do Norte; este, no ano de 1949, vendeu a referida Fazenda para os baianos Inocêncio Pereira dos Santos, Henrique Pereira dos Santos, Rufino Pereira dos Santos, Manoel Sátiro da Silva, José de Oliveira e Roque Jacinto da Silva, vindos dos municípios de Angical e Barreiras.

Com estes baianos e suas famílias, também vieram outras famílias: a de Ambrósio de Souza Sobrinho e de Diógenes Domingos de Oliveira.

Naquela época, na Fazenda Alegre, já residiam a família do Senhor Joaquim Alves da Silva e a família Benício.

A partir de 1950, com a divulgação das terras férteis que esta região possuía, foram chegando outras pessoas na Fazenda Alegre, como por exemplo, as famílias de João de Souza Sobrinho, Jaboc Rodrigues Montalvão, José dos Anjos, Apolinário Ferreira Barbosa (Sr. Pulú), e Palmeira.
Na década de 1970 chegaram muitos mineiros.

Formação Administrativa

Em 21 de setembro de 1965, através da Lei Municipal nº 10/65, a Fazenda Alegre passa a condição de Distrito de Arraias, recebendo a denominação de Distrito de Novo Alegre.

Em 18 de novembro de 1967, Henrique Pereira dos Santos, Rufino Pereira de Sousa, Ambrosio de Sousa Sobrinho, Inocêncio Pereira dos Santos, Manoel Sátiro da Silva e suas respectivas esposas doaram uma gleba de suas terras, na Fazenda Alegre, com área total de 10 alqueres goianos, para ser transformada em lotes residenciais no Povoado de Novo Alegre, conforme Procuração Pública em causa própria, lavrada nas notas do Primeiro Tabelião do Cartório da cidade e Comarca de Arraias.

Com a promulgação da Constituição do Estado do Tocantins, efetivada no dia 5 de outubro de 1989, ficou autorizada a consulta prévia, mediante plebiscito, para emancipação do Distrito de Novo Alegre, conforme artigo 18, inciso XX - ato das Disposições Constitucionais Transitórias.

O Município de Novo Alegre foi legalmente criado em 20 de fevereiro de 1991, através da Lei Estadual nº 251/91, publicada no Diário Oficial nº 79, de 14 de junho de 1991.

A instalação administrativa do Município ocorreu no dia 1º de janeiro de 1993

LUCIANO MENDE Farias